• Servi Imagem

RESILIÊNCIA NA INFÂNCIA: COMO DESENVOLVER BRINCANDO

Deixar de ver amigos e familiares, ficar sem escola, mais tempo em casa: foram muitas as mudanças impostas a crianças e adultos durante a pandemia. Nesse contexto, uma característica se tornou ainda mais importante: a resiliência emocional.

Em termos gerais, a resiliência é a capacidade de se adaptar e enfrentar mudanças ou situações traumáticas.

Indivíduos podem ter maior ou menor facilidade de reação. A boa notícia é que alguns hábitos e brincadeiras podem ajudar a aprimorar essa característica tão importante desde criança.

Na física, resiliência é a capacidade de um material absorver impactos e voltar à sua forma original. Na psicologia, resiliência pode significar muitas coisas diferentes: recuperação de eventos traumáticos, superação de desvantagens e a capacidade de suportar o estresse.

Segundo a Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional, essa característica é também valorizada no mercado de trabalho: “a pessoa resiliente é mais preparada para ouvir um “não” e encara essas negativas como incentivo para buscar um “sim”.

Na cultura popular, resiliência é a famosa capacidade de fazer do limão uma limonada!


Fonte: UNIMED


0 visualização0 comentário