• Servi Imagem

É PRECISO SE VACINAR SE VOCÊ JÁ TEVE COVID-19?

Se uma pessoa foi infectada pelo coronavírus há dois meses e outra foi vacinada exatamente no mesmo período, qual das duas está mais protegida?

A questão pode até parecer um problema matemático, mas se aproxima do raciocínio usado por especialistas e autoridades médicas para definir a necessidade de vacinar quem já teve covid-19 nos últimos meses.

Com problemas de distribuição em várias regiões do planeta, decidir quem realmente precisa de duas, uma ou nenhuma dose da vacina é vital para proteger as pessoas mais rapidamente, levando a menos mortes e hospitalizações.

Um estudo recente publicado no periódico científico The Lancet propõe que estar infectado com o coronavírus oferece tanta proteção quanto uma única dose da vacina.

Isso significa que muitos pacientes precisariam apenas de uma das duas doses exigidas por vários fabricantes — é importante salientar que essa observação ainda precisa ser confirmada por outros trabalhos e chancelada pelas organizações nacionais e internacionais de saúde.

Mas isso abre a possibilidade para que os países distribuam seus estoques de imunizantes com mais eficiência e, assim, protejam um número maior de indivíduos.

A Espanha, por exemplo, já adiou em seis meses a vacinação de pessoas com menos 55 anos que tiveram a doença.

Na mesma toada, o Ministério de Saúde Pública do Equador anunciou em dezembro de 2020 que os recuperados da covid-19 não receberiam a vacina inicialmente.

Por ora, as autoridades brasileiras não fizeram qualquer tipo de pronunciamento sobre esse assunto.


Fonte: BBC NEWS


0 visualização0 comentário